Loading..

Product was successfully added to your shopping cart.

5

Product was successfully added to your comparison list.

0 Com

Resenhas

Olá, leitores do blog! Vamos falar um pouco sobre resenhas? O que é? Quais suas características? Possui alguma estrutura diferenciada?

Pois bem.  Segundo as normas da ABNT, resenha é o mesmo que resumo crítico ou recensão, ou seja, cuida de um relato minucioso das propriedades de um objeto ou de suas partes constitutivas. Muito se parece com o resumo, mas acrescido de apreciação. E aqui cabe um detalhe: quem se propõe a criticar uma obra, deve estudá-la, analisá-la e conhecê-la bem para depois escrever. Não se deve avaliar algo desconhecido!

A estrutura básica de uma resenha constitui-se dos seguintes elementos:

                                I.         Referência bibliográfica: autor, título da obra, número da edição, local de publicação, editora, ano e número de páginas (pode-se começar uma resenha citando-se imediatamente a obra a ser resenhada ou escrever um ou dois parágrafos relacionados com o conteúdo da obra);

                               II.         Credenciais da autoria: breve apresentação do autor, em especial quanto ao seu currículo profissional

                              III.         Resumo da obra: expor sobre o assunto da resenha;

                              IV.         Conclusões do autor: expor sobre os resultados alcançados pelo autor da obra ou texto resenhado;

                               V.         Apreciação crítica do resenhista: as ideias são originais, claras e coerentes? Qual o estilo do autor? Sobre esta parte da estrutura, convém destacar que ela não aparece somente no final da resenha – o bom resenhista sabe impor seu tom (moderado, respeitoso ou agressivo) desde o começo do texto;

                              VI.         Indicações da obra: informar a que público se destina ou a quem ela pode ser útil, como por exemplo, alunos de determinados cursos, pesquisadores, especialistas, etc.

Pode-se resumir agrupando num ou vários blocos os fatos ou ideias do objeto resenhado ou de acordo com a ordem dos fatos, das partes e dos capítulos.

Desta forma, podemos dizer que a resenha é um tipo de redação técnica que inclui variadas modalidades de textos: descrição, narração e dissertação. Estruturalmente descreve as propriedades das obras (descrição física da obra), relata as credenciais do autor, resume a obra, apresenta suas conclusões e metodologia empregada, bem como expõe um quadro de referencias em que o autor se apoiou (narração) e, finalmente, apresenta uma avaliação da obra e diz a quem se destina (dissertação).

 Até a próxima. 

Carol Derradi Pastoreli

Gostou? Compartilhe ;)

Deixe seu comentário